O Hospital Terra Quente (HTQ) efectuou 65 Rastreios à Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC), numa acção levada a cabo na passada sexta-feira.

O Rastreio foi organizado a pensar nas pessoas com idade superior a 40 anos, especialmente as que foram ou ainda são fumadoras.

Recorde-se que a DPOC é uma doença subdiagnosticada em Portugal, estando frequentemente associada ao Tabagismo. É a doença crónica do pulmão mais frequente e a quarta causa de morte e nível mundial.
Habitualmente, a DPOC manifesta-se em pessoas com mais de 40 anos, mas pode aparecer em idades mais precoces.

Em termos de sintomas, traduz-se em falta de ar, cansaço, tosse prolongada ou expectoração.
As probabilidades de sofrer desta doença aumentam se o paciente for ou já tiver sido fumador, se está frequentemente exposto a poeiras, fumos, vapores, produtos químicos e poluição.

À semelhança da Hipertensão e da Diabetes, a DPOC é uma doença crónica, cujas consequências podem ser atenuadas com medicação regular, exercícios adequados a esta patologia e a inibição de fumar, se for este o caso.

Share.

Deixe Comentário