A equipa de futsal feminino do Desportivo de Chaves arrancou a preparação da sexta temporada consecutiva na 1ª Divisão. Foco está na permanência para a época que arranca a 5 de outubro.

“Esperamos ter uma época mais calma, começamos mais cedo que o previsto porque houve muitas mexidas, e queremos o entrosamento da equipa, pois temos muita gente nova”, destacou a técnica Rute Carvalho, que se mantém no comando.

Com o plantel “quase fechado”, a treinadora de Carrazedo Montenegro espera poder vir a contar com mais duas jogadoras.

“As caras novas vão trazer coisas novas ao plantel, temos uma media de idades de 24, 25 anos, e o objetivo é sempre a manutenção, mas a pressão vai existir desde início e se pudermos conseguir a manutenção em janeiro não iremos esperar por março”, atirou.

Um dos reforços para a nova época é Joana Melo, ex-Nun’Álvares, que viu em Chaves “um projeto ambicioso, com todas as condições”.

“Encontrei um bom grupo, há alegria no trabalho e estou a ser bem recebida. Não deixam ninguém de parte e isso é fundamental para nos sentirmos bem. Queremos a manutenção o mais rápido possível”, destacou a jogadora de 22 anos.

Joana Melo, ex-Nun’Álvares, Marisa Figueiredo, ex-GD Valpaços, e Nady Brito, ex-Pioneiros de Bragança, são reforços já assegurados para a equipa flaviense que renovou com Sara, Rute, Kaká, Daniela, Raquel, Jéssica, Lita e Milene.

Diogo Caldas

loading...
Share.

Deixe Comentário