Semana da Mobilidade foi um sucesso, salientou o vereador Carlos Penas.

Sensibilizar as pessoas para a prática de actividade física e melhoria ambiental eram os objectivos da nona edição da Semana Europeia da Mobilidade.
Para o vereador da Câmara de Chaves, Carlos Penas, a missão foi cumprida e este ano a iniciativa teve um “balanço bastante positivo”. “Mais uma vez, os flavienses e todas as entidades envolvidas aderiram significativamente a quase todas as acções desenvolvidas durante a semana”, considerou.
A iniciativa mais participada foi a Rota do Presunto em BTT, que este ano atravessou a fronteira no âmbito da Eurocidade, superando mil participantes. “Foi um sucesso absoluto. Tivemos felicitações de outras entidades no âmbito do próprio ciclismo”, apontou Carlos Penas. Já José Frederico, presidente do BTT Clube de Chaves, realçou que “esta edição foi a que mais atletas terminaram a prova, o que confirma o nível cada vez mais elevado dos participantes presentes”. O vencedor da maratona de 84 quilómetros foi Ivan Nascimento, atleta de Matosinhos, e Ruben Nunes foi o primeiro a chegar à meta da meia maratona de 53 quilómetros. No campo feminino, o primeiro lugar foi atribuído a Suzana Ribeiro. José Frederico felicitou ainda a excelente prestação dos atletas flavienses Francisco Fernandes, Nuno Almeida, Miguel Macedo e Nuno Montanha.
O desporto sénior e asactividades lúdicas e desportivas com crianças também foram muito participadas. “A Semana da Mobilidade poderia ser todo o ano, mas precisamos sempre que nos relembrem, que nos convidem a participar. Quando assim é, aderimos e relembramos a atitude que devemos ter perante o ambiente e nós próprios”, considerou o vereador.
Mesmo em dia de feira, o trânsito “fluiu normalmente” no Dia Europeu Sem Carros, uma vez que o objectivo da proibição de veículos em algumas artérias do centro histórico “não era produzir um efeito negativo nas pessoas”, mas antes organizar um acto simbólico e pedagógico para “sensibilizar as pessoas a não usarem as viaturas no centro da cidade”, concluiu Penas.

Sandra Pereira
loading...
Share.

Comentarios fechados.