Cinco projetos apresentados pela Direção de Cultura do Norte ao Programa Operacional Norte 2020, num investimento total de 8,2 milhões de euros, e que visam valorizar a cultura e o património daquela região do país, foram aprovados.

Castelo de Monforte

Castelo de Monforte

Castelo de Montalegre

Castelo de Montalegre

“Rota das Catedrais do Norte de Portugal”, “Mosteiros a Norte”, “Castelos a Norte”, “Igreja de Santa Clara do Porto” e “Dias do Património a Norte” são os projetos que tiveram aval e que vão permitir a sua dinamização, divulgação e consequente fruição por parte do público.

O projeto «Castelos a Norte», com um investimento total de 2,5 milhões de euros, a concretizar até final de 2018, vai intervir nos castelos raianos da Região Norte, que, para além do Castelo de Outeiro (Bragança), Castelo de Mogadouro e Castelo de Miranda do Douro, inclui ainda o Castelo de Montalegre e o Castelo de Monforte de Rio Livre (Chaves).

Aguardam aprovação as candidaturas aos projetos «Museus a Norte», com um investimento total de 2,5 milhões de euros, a concretizar até meados de 2018, e «Artes no Território a Norte», com um investimento total de 400 mil euros, a concretizar também até meados de 2018. Esta operação visa constituir-se como uma proposta de dinamização cultural de um conjunto de espaços afetos à Direção Regional de Cultura do Norte.

loading...
Share.

Deixe Comentário