O médio Nuno Coelho, que nas duas últimas temporadas representou o Belenenses, é reforço do Desportivo de Chaves para 2020/21, assim como o guarda-redes brasileiro Paulo Vítor, que na temporada passada representou o Rio Ave, e que também é reforço.

Nas últimas duas épocas, Nuno Coelho realizou um total de 63 jogos ao serviço do Belenenses, do principal escalão, apontando um golo. O médio de 32 anos já representou ainda Arouca, Benfica, Beira-Mar, Portimonense, Académica, Leiria e FC Porto, em Portugal, e o Aris de Salónica, na Grécia.
Já Paulo Vítor, de 31 anos, além dos vila-condenses, já representou em Portugal o Varzim.
O Desportivo de Chaves anunciou também como reforços para a nova temporada no segundo escalão os defesas João Reis, de 28 anos, ex-Tondela, Luís Rocha, de 33 anos, ex-Farense, e Bura, de 31 anos, ex-Leixões, os médios Zé Tiago, de 31 anos, ex-Mafra, e Luís Silva, de 27 anos, ex-Leixões, e o avançado Roberto, de 31 anos, ex-Estoril. 


Também o ala direito João Correia, de 23 anos, assinou em definitivo pelos flavienses, depois de ter estado emprestado na temporada 2019/2020 pelo Vitória de Guimarães.
A equipa será orientada pelo técnico Carlos Pinto, de 47 anos, que na época passada comandou o Leixões, e arrancou com os treinos para a nova temporada em 11 de julho.

loading...
Share.

Comentarios fechados.