A poucos dias da entrada em vigor da segunda fase do desconfinamento (dia 18), a autarquia de Montalegre, em parceria com a AEPB – Associação Empresarial do Planalto Barrosão, promoveu, no auditório municipal, uma sessão pública que visou “preparar da melhor forma os proprietários da restauração e bebidas para a reabertura dos seus estabelecimentos”.

Durante a sessão foram divulgados os procedimentos a adotar pelos proprietários de restaurantes e café no âmbito da atual pandemia da covid-19.

Presente na iniciativa, Orlando Alves, presidente da Câmara de Montalegre, demonstrou confiança nos promotores da restauração do concelho no que respeita ao cumprimento das normas estipuladas pela Direção-Geral da Saúde (DGS) para esta segunda fase de desconfinamento.

“Todos aqueles que estão ligados ao setor da restauração estão ansiosos pelo retomar da atividade. E nós também queremos que de facto isso aconteça. Estão absolutamente conscientes das normas que têm de cumprir e eu não tenho dúvidas de que essas normas vão ser escrupulosamente observadas”, referiu.

O autarca lembrou que o município irá continuar “a suportar as despesas com máscaras que irá distribuir pelos restaurantes” e apoiará financeiramente as despesas com os separadores em acrílico “para que este normativo de segurança seja cumprido e a carteira do empresário fique minimamente aliviada”.

Por seu lado, José Fernando Moura, presidente da AEPB, salientou que o principal obstáculo a ultrapassar é o da confiança que as pessoas neste momento ainda não têm para voltar aos restaurantes e cafés. O responsável acredita que os empresários vão conseguir dar a volta.

“É um rombo muito grande nos negócios das pessoas. Vem aí o verão e é muita economia que se deixa de fazer aqui no concelho. É muita família que trabalha no setor da restauração, das bebidas e dos cafés. Vai ser complicado”, sublinhou.

Na sessão esteve também presente Agostinho Sousa, médico, que deixou um apelo a toda a comunidade: “Respeitem todas as recomendações da DGS, cumprindo todas as normas de higiene. Com certeza que isto será apenas um desafio temporário”.

No final, houve tempo para os participantes esclarecerem as suas principais dúvidas.

loading...
Share.

Deixe Comentário