A Diocese de Vila Real anunciou a criação de uma Comissão de Proteção de Menores e Pessoas Vulneráveis com o objetivo de receber eventuais denúncias e elaborar medidas de prevenção e apoio, assim como acompanhar as vítimas e agressores.

Na nota publicada no sítio oficial da Internet, a Diocese de Vila Real explicou que esta comissão é constituída por especialistas em psicologia, medicina, direito e teologia.

Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de Além da finalidade de A constituição da Comissão de Proteção de Menores e Pessoas Vulneráveis A constituição da Comissão de Proteção de Menores e Pessoas Vulneráveis A constituição da Comissão de Proteção de Menores e Pessoas Vulneráveis A constituição da Comissão de Proteção de Menores e Pessoas Vulneráveis A constituição da Comissão de Proteção de Menores e Pessoas Vulneráveis “Neste momento é preciso coragem para assumir erros e corrigir faltas, tomando as medidas necessárias para erradicar este problema”, destaca a diocese de Vila Real, liderada pelo bispo António Augusto Azevedo.

Citando ainda o papa Francisco, o organismo destaca que “este momento obscuro pode ser uma oportunidade para uma reforma de caráter histórico, para a Igreja se abrir a um novo Pentecostes e iniciar uma etapa de purificação e mudança que lhe outorgue uma juventude renovada”.

“Em sintonia e comunhão com o Papa, não se pode esquecer uma palavra de reconhecimento à grande maioria dos sacerdotes que não só se mantêm fiéis ao seu celibato, mas se gastam ao serviço de um ministério que se tornou mais difícil pelo escândalo de poucos (mas sempre demasiados) dos seus irmãos”, acrescenta.

A Comissão de Proteção de Menores e Adultos Vulneráveis, que terá sede em Vila Real, é constituída pelo padre Sérgio Manuel Tomé Correia, como coordenador, pelo psicólogo José Carlos Gomes da Costa, pela médica Maria Goretti Martinho Rodrigues, e pelo advogado António Francisco Caseiro Marques.

loading...
Share.

Deixe Comentário