O carismático a antigo “capitão” dos tempos áureos do Desportivo de Chaves, Diamantino Brás (58 anos), já está em casa a recuperar de um grande susto. O “Leão da Torre” como ficou conhecido, estava na sua residência em Chaves quando foi surpreendido por um AVC na semana passada, valendo-lhe na circunstância o facto da sua esposa Ana Maria, chefe da PSP, estar em casa e dai ter alertado de imediato o INEM, que ocorreu ao fim de poucos minutos, transportando-o diretamente para o Hospital de Vila Real, onde foi atendido e esteve alguns dias em tratamento, tendo agora regressado a casa, onde continua em boa recuperação, tendo apenas sido afetado no lado direito, nomeadamente do braço respetivo e ligeiramente na voz.

Fazendo já quase a vida normal e com boas melhoras nas zonas do corpo mais afetadas, o velho “capitão” flaviense tem apenas a mágoa de não poder contar com a companhia do filho, Diogo Brás, que recentemente completou 20 anos, mas que devido ao facto de ser atleta (futebol) do Sporting, está em quarentena em Lisboa, por causa do malfadado vírus que nos está a afetar a todos, limitando-se por isso aos imprescindíveis contatos telefónicos. É claro que sabendo-se da força e resistência física do Diamantino e do apoio que vai tendo de muitos dos seus antigos fans e especialmente da família, brevemente iremos ver o “Leão da Torre” na plenitude das suas faculdades físicas e mentais.
Boas melhoras para o velho “capitão”, são os votos de toda a família de A Voz de Chaves.

Carlos Veras

loading...
Share.

Comentarios fechados.