Cerca de 400 pessoas participaram, no passado dia 7 de outubro, na caminhada da 3ª edição da Festa das Colheitas.

A caminhada, de 12 quilómetros, foi realizada pela aldeia barrosã, e a edição deste ano trouxe algumas novidades, nomeadamente para os mais pequenos, que puderam optar pela caminhada “Arre Burro” de apenas cinco quilómetros na companhia do burro mirandês durante o percurso.

No final da caminhada, o centro da festa foi a Quinta do Cruzeiro, no pólo do Ecomuseu do Barroso, onde houve muita música tradicional, gastronomia, feira de produtos da terra e uma desfolhada à moda antiga.

De acordo com informação disponibilizada na página de facebook da Associação Celtiberus, “todo este trabalho desempenhado pela equipa de colaboradores desta associação não seria possível sem o apoio das várias instituições e empresas que até hoje nos abrem as portas e em conjunto trabalham em prol da divulgação do interior”. A associação barrosã deixou ainda um agradecimento a todos os que colaboraram na organização do evento: “Na festa das colheitas devemos uma palavra especial para a Junta de Freguesia de Covas de Barroso que foi um parceiro imprescindível ao qual agradecemos na pessoa da sua presidente Lúcia Dias Mó. Deixamos também uma palavra de apreço à Associação Cultural e Recreativa de Covas do Barroso pelo trabalho que desenvolve. Um trabalho dinâmico e extremamente importante durante todo o ano nesta fantástica aldeia. Como nota final queremos referir a importância, para o desenvolvimento do nosso trabalho, que o Município de Boticas significa com uma visão diferenciadora dando oportunidade aos jovens de desenvolverem projectos em prol da comunidade e do ambiente, mais uma vez o nosso agradecimento”.

Este foi um evento organizado pela Associação Ambiental e Cultural Celtiberus, em parceria com o município de Boticas, o Ecomuseu de Barroso e a Junta de Freguesia de Covas do Barroso.

loading...
Share.

Deixe Comentário