Em mês de Santos Populares, a Santa Casa da Misericórdia de Chaves não deixou de assinalar a tradição, junto dos seus utentes, mantendo o cumprimento pelas recomendações impostas no atual contexto pandémico da infeção da Covid 19.

Os utentes da instituição celebraram o São João e não faltaram as decorações a rigor e os sabores tradicionais.

Cumprindo a tradição, sardinhas, entremeada, caldo verde, pimentos assados e pão centeio fizeram parte da ementa.

As marchas populares não saíram à rua, mas não faltou criatividade, usufruindo também do espaço envolvente dos equipamentos sociais da instituição.

Criatividade são-joanina

Num propósito mais individualizado e de estimulação da psicomotricidade, os seniores participaram na confeção do painel dos Santos Populares, bem como na elaboração de sardinhas, rede de pesca e manjericos, com a ajuda de massa e rolinhos de papel.

Em atividades de estimulação cognitiva, os utentes realizaram alguns jogos de memória e de sequências, com o objetivo de despertar a memória, a concentração e a valorização da sabedoria popular e ajudaram a complementar em rima algumas quadras populares.

De forma a manter a boa disposição e contrariando os efeitos do distanciamento dos que lhe são mais próximos, não faltou ainda brincadeira com os martelinhos de São João e muita animação musical.

A ação, que faz parte do plano anual de atividades e que está integrada num plano de envelhecimento ativo da instituição, dinamizada pela equipa de animação sociocultural da Misericórdia de Chaves pretende para além de cumprir a tradição, realizar atividades recreativas e incrementar a participação ativa dos seniores.

Sandra Gonçalves

loading...
Share.

Deixe Comentário