A curta-metragem luso-espanhola “5 Cortes” foi apresentada na sede do Ecomuseu de Barroso, em Montalegre. Uma produção que envolve o barrosão Luís Pedreira e o realizador espanhol Rodolfo Herrero. Trata-se de uma homenagem ao cinema mudo, exibida, por estes dias, no “Fantasporto 2017”, o mais antigo festival de cinema do país.

O barrosão Luís Pedreira continua a apresentar trabalhos de grande qualidade. Desta vez, na área da ficção, uma curta-metragem com a duração de cinco minutos e caraterizada pelo «humor negro». As cenas desenrolam-se numa barbearia onde ao lado ocorreu um crime que proporcionou diversas situações no interior do espaço. Uma coprodução, através da empresa Sótão de Histórias, com o realizador espanhol Rodolfo Herrero. Na plateia, Orlando Alves, presidente da Câmara Municipal de Montalegre, destacou «o aspeto cómico e hilariante» a que se junta uma «excelente produção musical». O autarca afirmou ainda que «envolve um barrosão com provas dadas a vários níveis e, por isso, estão reunidos os ingredientes para o sucesso».

Share.

Deixe Comentário