A Banda Sinfónica da Academia de Artes de Chaves, em representação da Eurocidade Chaves-Verin, venceu de forma contundente, nos dias 5 e 6 de maio, o 1.º prémio na Categoria de Agrupamentos Maiores na VI.ª Edição da Mostra Musical do Eixo Atlântico que decorreu no Teatro de Vila Real.

Pela primeira vez realizado em Portugal e fora da Galiza, com um número recorde de participantes, cerca de 300 jovens músicos oriundos das diversas cidades que constituem o Eixo Atlântico, Braga, Bragança, Ferrol, e Pontevedra, entre outras, decorreu nos dias 5 e 6 de maio no teatro de Vila Real a VI.ª Mostra Musical do Eixo Atlântico. A Banda Sinfónica da Orquestra de Sopros da Academia de Artes de Chaves, constituída por jovens músicos da Academia de Artes de Chaves, sob a batuta do maestro Luciano Pereira, também o diretor pedagógico da Academia de Artes e em representação da Euro-Cidade Chaves-Verín venceu de forma categórica a 1.ª eliminatória e posteriormente a final na Categoria de Agrupamentos Maiores, disputando a final com as cidades de Bragança e Ferrol. Acrescentando mais um troféu internacional ao já vasto currículo da Academia de Artes de Chaves.
Paralelamente, o aluno de Percussão da Academia de Artes de Chaves, Rafael Picamilho venceu individualmente também o 1.º prémio na categoria de solistas no grupo D da VI.ª Mostra Musical do Eixo Atlântico. Participação muito positiva de Chaves e Verín, com excelentes resultados, demonstrando mais uma vez o excelente trabalho e qualidade que se desenvolve na Academia de Artes de Chaves.

loading...
Share.

Deixe Comentário