Estas três entidades uniram-se com o objetivo de reabilitar habitações de famílias carenciadas até 2021.

Na reunião de Câmara do passado dia 8 de março, a decisão relativamente à celebração do protocolo entre a autarquia, a Fundação António da Mota e a Associação Just a Change foi unânime.

No âmbito do programa da fundação “Uma obra, um projeto”, são beneficiárias deste apoio as famílias com insuficiência económica que vivam em condições de precariedade habitacional, podendo ser auxiliadas até um máximo de 25 mil euros.

A Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar irá sinalizar situações que se enquadrem no acordado com relatórios que irão ser apreciados e selecionados pelas restantes entidades, e irá facultar apoio logístico e material. A autarquia aguiarense disponibilizará ainda uma verba de 6 617,50€ destinada a refeições e deslocações das equipas de voluntários.

loading...
Share.

Deixe Comentário