O piloto flaviense Nuno Pinto entrou a vencer no Campeonato Galego de Supermoto, ao conquistar a primeira etapa, que foi mais curta devido ao mau tempo.

A defender o título que conquistou nas últimas duas épocas, o transmontano entrou forte na competição espanhola, que decorreu no circuito de A Madalena, em Forcarei, Espanha.
“Esteve muito mau tempo, durante toda a prova, com muita chuva. Nos cronometrados fiz um 2º lugar e na primeira manga passei para primeiro no arranque e ganhei com bastante diferença”, realçou.
Nuno Pinto optou por correr com pneus de chuva, enquanto alguns concorrentes optaram por correr com pneus para piso seco, estratégia que beneficiou o flaviense.
A segunda manga não se chegou a realizar, pois foi anulada devido às condições meteorológicas, e será realizada na segunda jornada do campeonato.
“Foi bom abrir o campeonato em primeiro. Tive concorrência forte, pois foi a primeira prova, e havia pilotos novos a participarem. Pude experimentar a mota nova. Não deu para testar ao limite por ser à chuva, mas senti boas indicações”, acrescentou.
Além do campeonato galego, Nuno Pinto vai ainda participar no campeonato português de Supermoto, que já conquistou várias vezes. Na temporada passada venceu a Taça de Portugal de Supermoto, que se realizou em Chaves organizada pelo Clube Motard de Chaves.

Diogo Caldas

loading...
Share.

Deixe Comentário