Recentemente consagrado campeão nacional de salto em comprimento pela primeira vez na sua carreira, Ivo Tavares olha mais adiante e persegue os mínimos os europeus de atletismo, que se realizam em Berlim este ano.

O salto de 7,50 metros alcançado em Leiria, onde se realizaram os nacionais, deram ao atleta do Benfica o título nacional, após o 2º lugar na época anterior.
“É uma sensação incrível, pois é um título que todos os atletas desejam”, confessou Ivo Tavares, que não vê a pressão a diminuir conforme vai conquistando títulos, mas antes vê uma pressão que está habituado a lidar.
“O meu objetivo principal desta época sempre foi o europeu e cada vez tenho menos tempo para realizar a marca, por isso a pressão só vai aumentar, mas não sinto que isso seja uma coisa má ou que vá ter efeitos negativos, até pelo contrário”, realçou.
Para atingir os europeus, o transmontano precisa de saltar 7,95, estando muito próximo da marca, pois já estabeleceu esta época o record pessoal em 7,89.
“Acho que poderá sair á qualquer momento”, garante o atleta natural de Chaves que representa o SL Benfica.
Este fim-de-semana Ivo Tavares participa no Campeonato Nacional de Clubes, que se realiza no Estádio 1º de Maio, em Braga.

Diogo Caldas

loading...
Share.

Deixe Comentário