A última novidade do Rali Alto Tâmega (28/29/30 Agosto), quarta prova do Campeonato
de Portugal de Ralis, diz respeito ao cancelamento da participação da espanhola Suzuki
Swift Cup, por questões motivadas com a reformulação do calendário, mas, em
contrapartida, as classificativas de asfalto transmontanas servem de estreia, em 2020, à
Peugeot Rally Cup Ibérica, anunciou a organização.
“Claro que para o CAMI seria um orgulho receber, desde o país vizinho, a Suzuki Swift
Cup, mas os organizadores dessa competição invocaram a necessidade, face às
circunstâncias atuais, de alterar o seu projeto inicial e encurtar o calendário desportivo,
prometendo correr no Alto Tâmega em 2021. Embora lamentando a ausência do troféu
espanhol, compreendemos a decisão, porque, como é sabido, os efeitos da pandemia
vieram mexer com tudo, a nível económico, social e desportivo. Resta-nos, contudo, a
enorme satisfação de o Rali Alto Tâmega passar a ser a prova de abertura da Peugeot
Rally Cup Ibérica, garantindo desde logo um acréscimo de competitividade e de emoção”,
refere Nuno Loureiro, presidente do CAMI Motorsport, a entidade que no último fim de
semana do próximo mês de Agosto vai trazer, volvidos 28 anos, a Região do Alto Tâmega de
novo à ribalta, com o rali integrado no Campeonato de Portugal de Ralis.
Neste momento, a equipa do CAMI Motorsport tem já praticamente delineado, depois
de ter procedido aos ajustamentos necessários, o formado do Rali Alto Tâmega’2020 de
acordo com as novas normas estabelecidas pela FPAK (Federação Portuguesa de
Automobilismo e Karting) e tuteladas pela Direção Geral de Saúde.
O Rali Alto Tâmega’2020 (28/29/30 Agosto) será pontuável no Campeonato de Portugal
de Ralis, Campeonato Norte de Ralis, Campeonato de Portugal de GT de Ralis, Campeonato
de Portugal R4-Kit de Ralis, Campeonato de Portugal de Clássicos de Ralis e nos troféus KIA
Picanto Rally Cup e Peugeot Rally Cup Ibérica.

loading...
Share.

Deixe Comentário