O PSD pediu explicações à ministra da Saúde sobre a Unidade de Hemodiálise do Hospital de Chaves, que está a necessitar de obras de remodelação e que são urgentes no atual contexto de pandemia.

Numa pergunta que deu entrada na sexta-feira, dia 8, no Parlamento, os deputados do PSD afirmam que estas obras de remodelação visam melhorar o bem-estar dos doentes durante o tratamento dialítico, garantir uma maior segurança no tratamento de doentes covid-19, diminuir o risco de infeção e aumentar ainda a capacidade de resposta da unidade.

Em concreto, os parlamentares do PSD, entre os quais os eleitos pelo distrito de Vila Real, Cláudia Bento, Luís Leite Ramos e Artur Andrade, querem que a Unidade avance com respostas na “operacionalização do espaço e do acesso dos utentes, ampliando a sala e o número de postos, criando zonas de isolamento”, e assegure melhores “condições de trabalho dos profissionais de saúde”.

A Unidade de Hemodiálise do Hospital de Chaves foi integrada no Serviço de Nefrologia do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro no dia 1 de março de 2007. Esta unidade apresenta 13 postos de tratamento, funciona com três turnos diários (8h-24h) e presta tratamento a 63 doentes.

loading...
Share.

Deixe Comentário