São sete os Cursos Técnicos Superiores Profissionais (CTeSP) que, no próximo ano letivo (2020/2021), vão abrir no Alto Tâmega: seis em Chaves e um em Valpaços.

Estética Cosmética e Bem-Estar, Informática, Promoção Turística e Cultural, Qualidade e Tratamento de Água e Efluentes, Restauração e Inovação Alimentar, e Termalismo e Bem-Estar são os seis CTeSP que vão ser lecionados em Chaves, na sede do AquaValor. Já em Valpaços, nas instalações da Casa do Vinho, será lecionado o curso Gestão Agrícola.

“[Estes cursos] são de uma importância muito grande. Estamos a preparar o futuro dando formação a quem está no território e a quem quer valorizá-lo e fixar-se criando, digamos, o seu posto de trabalho. Sem formação não vamos a lado nenhum. É também a assunção de responsabilidades que cabe aos autarcas de criar responsabilidades para valorização profissional, particularmente dos jovens que querem fazer a sua vida”, explicou Orlando Alves, presidente da Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega (CIMAT).

Os CTeSP têm 120 créditos, duram quatro semestres (dois anos), sendo o último semestre em contexto de trabalho, e conferem aos formados um diploma de nível 5 do Quadro Nacional de Qualificações. Após a conclusão do curso é ainda possível frequentar uma licenciatura e, caso esta seja na mesma área ou similar, haverá creditação de unidades curriculares.

Podem candidatar-se aos CTeSP os jovens que tiverem o 12º ano concluído no ensino secundário ou o equivalente numa área profissional. As inscrições devem ser efetuadas até ao dia 30 de agosto através do seguinte link: http://candidaturas.ipb.pt.

Os CTeSP são resultado de um protocolo assinado em 2018 pela Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega e o Instituto Politécnico de Bragança com o objetivo de continuar a aumentar a oferta formativa, sendo uma alternativa ao ensino superior regular que tem como objetivo incentivar os jovens a prosseguir com os estudos após o 12º ano.

Maura Teixeira

loading...
Share.

Deixe Comentário