A decisão foi tomada depois de o presidente da autarquia ter reunido com responsáveis pela Direção da Região dos CTT onde demonstrou o seu desagrado pelo atraso na entrega da correspondência e encomendas.

A Câmara de Boticas, através de um protocolo com os CTT assumiu a distribuição do correio numa parte significativa das aldeias do concelho.

As aldeias e lugares onde o correio passa a ser da responsabilidade da Câmara de Boticas são: Quintas, Carreira da Lebre, Beça, Pinhal Novo, Minas de Beça, Vilarinho da Mó, Carvalhelhos, Carvalho, Lavradas, Atilhó, Alturas do Barroso, Vilarinho Seco, Gestosa, Vila Pequena, Cerdedo, Vila Grande, Lousas, Casal, Antigo, Espertina, Agrelos, Bostofrio e Viveiro.

Para Fernando Queiroga este protocolo é extremamente importante, afirmando que “esta foi a melhor solução que encontramos para poder responder às necessidades da nossa população e garantirmos a eficácia e a celeridade que um serviço desta natureza deve ter, evitando os problemas que resultam do atraso do correio.”

“Salvaguardado está também o facto de que esta decisão não irá interferir em nada com o funcionamento do Posto dos CTT em Boticas, tendo a garantia de que o mesmo continuará aberta e em normal funcionamento”, concluiu o autarca.

loading...
Share.

Deixe Comentário