Os Bombeiros Voluntários de Salto, em Montalegre, recebem hoje nova viatura. Veículo será utilizado em operações de resgate no Parque Nacional da Peneda-Gerês e “irá suprir algumas dificuldades” da corporação.

A iniciativa é promovida pela REN – Redes Energéticas Nacionais que, para além da corporação saltense, vai atribuir mais seis viaturas: aos bombeiros de Ponte de Lima, Terras de Bouro, Alvalade (Santiago do Cacém), Águas de Moura (Palmela), Marco de Canaveses e Sacavém (Loures).

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Salto (BVS) explicou que devido à pandemia da covid-19 não será possível realizar a cerimónia de entrega das viaturas que estava prevista, sendo que as mesmas serão “entregues de forma faseada aos corpos de bombeiros contemplados”.

Em Salto, a nova viatura, um veículo ligeiro todo-o-terreno, da marca Volkswagen, será entregue esta quarta-feira. O automóvel será “transformado em veículo de comando e comunicações para apoio nos teatros de operações, em especial, no resgate na área do Parque Nacional Peneda-Gerês”.

“As associações humanitárias vivem um período absolutamente difícil a nível financeiro e esta viatura tem para nós um peso muito significativo” e “irá suprir algumas dificuldades que temos, servindo ainda melhor as populações”, referiu Hernâni Carvalho.

Este apoio, apesar de não ser financeiro, é “um encaixe significativo numa despesa que a associação já não terá de ter ao nível da operacionalidade”, sublinhou o responsável.

Montalegre é um dos concelhos onde a REN se encontra presente com várias estruturas e instalações e tem projetado uma nova obra que irá atravessar a área de influência dos bombeiros de Salto. A par disso, a corporação efetuou uma candidatura ao programa da REN da atribuição das viaturas.

A entrega destes novos veículos a sete corpos de bombeiros de todo o país surge no âmbito da política de apoio da REN às comunidades locais e à prevenção de incêndios rurais, que, desde 2009, já doou mais de 70 veículos e trabalha em estreita colaboração com a ANEPC, o ICNF e os municípios na Defesa da Floresta Contra Incêndios.

Durante a época de incêndios, a REN ativa o seu Plano de Prevenção, Alerta e Atuação, no âmbito do qual, entre 1 de junho e 30 de setembro de 2020, a empresa tem seis equipas em alerta 24 horas por dia.

Para a REN, “esta doação é o reconhecimento do trabalho desenvolvido pelas corporações de bombeiros durante todo o ano. Mas é a pensar no combate aos fogos que a REN, todos os meses, executa várias ações de prevenção em articulação com as autoridades competentes, limpando as faixas de servidão, de forma a aumentar a resiliência das suas infraestruturas e dos territórios onde as mesmas se encontram implantadas aos incêndios rurais, criando, simultaneamente, oportunidades de combate aos bombeiros e restantes equipas de proteção civil”, lê-se na página da empresa energética.

O parque automóvel dos Bombeiros de Salto é constituído por mais de 25 viaturas, um número que deixa o comandante bastante satisfeito.

“Penso que estamos a chegar a um patamar muito bom a nível de equipamentos para aquilo que é a nossa realidade, a nossa área de atuação, e os riscos que temos identificados e aos quais temos de fazer face”, rematou Hernâni Carvalho.

Cátia Portela

loading...
Share.

Deixe Comentário