O Conselho de Administração da ADERE – Peneda Gerês reuniu em Montalegre para debater “o futuro do único parque nacional de português”.

Na reunião, que juntou os municípios de Montalegre, Arcos de Valdevez, Terras de Bouro, Ponte da Barca e Melgaço, foram abordadas “as candidaturas financiadas pelo Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos” (POSEUR) e iniciada “a discussão sobre a gestão partilhada do Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG) no âmbito da descentralização de decisões”, adianta no seu site a Câmara de Montalegre.
A ideia é “abrir a porta” à cogestão do PNPG, ou seja, os “municípios querem ter uma palavra real em temas como a dimensão das vacarias, as áreas de pastoreio e florestais, a construção urbana em terrenos afetos ao PNPG e na visitação”.
loading...
Share.

Deixe Comentário