Na aldeia de Bustelo, no concelho de Montalegre, foi realizado o alargamento de um caminho rural que dá acesso aos terrenos mais férteis da localidade.

O investimento, no valor de 120 mil euros, ficou a cargo de EHATB – Empreendimentos Hidroelétricos do Alto Tâmega e Barroso.

Para Orlando Alves, presidente da Câmara Municipal de Montalegre, esta obra “Trata-se de um investimento há muito reclamado pela população porquanto dá serventia à generalidade dos prédios de produção de pastagem onde, no período de recolha de fenos, era extraordinariamente difícil retirar dali a produção para a alimentação do gado. Era uma via onde um trator não cabia com um pavimento muito mau. Pedras sobre pedras, penedos, muita água. Foi uma intervenção bem-sucedida. Muito bem trabalhada. Está de parabéns a população de Bustelo que soube, educadamente, expor a premência da intervenção”.

Esta intervenção era já uma velha vontade dos habitantes da aldeia, como refere Paulo Pinto, presidente da Junta de Freguesia da Vila da Ponte, freguesia onde pertence a localidade de Bustelo: “Esta intervenção já era reivindicada pela população há muitos anos. Falo do alargamento de um caminho rural que dá acesso aos melhores terrenos da população de Bustelo. Uma das promessas que fiz foi esta obra. Graças a Deus que consegui cumprir esta promessa. Foi um processo calmo onde toda a gente cooperou”.

loading...
Share.

Deixe Comentário