Os utentes da Santa Casa da Misericórdia juntaram-se à celebração do Dia Internacional dos Museus e aproveitaram para conhecer alguns núcleos museológicos “por esse país fora”.

Os beneficiários das Estruturas Residenciais Para Idosos (ERPI) Ricardo Mourão, Bilhão e Argeriz rumaram até à aldeia de Romeu, em Mirandela, para conhecer o Museu das Curiosidades, espaço fundado por Manuel Menéres, filho de Clemente Menéres, homem extravagante que ajudou na melhoria das condições de vida das pessoas das aldeias de Romeu, Vale de Couce e Vila Verdinho, influente na política a nível nacional e dedicado aos seus interesses lúdicos, é neste espaço museológico que vemos grande parte da sua vida.

Os utentes entraram neste “mundo excêntrico”, com bastantes objetos que à data era impensável existirem em casas familiares, como caixas de música, umas das primeiras máquinas fotográficas, projetor de cinema, telefonias, um primitivo carro dos bombeiros e até automóveis.

Depois da visita ao museu foi servido o lanche no espaço de repouso, circundante ao mesmo, revelou a instituição.

Em Carrazedo de Montenegro visitaram o Centro Interpretativo do Território e o Museu do Brinquedo Português

O Dia Internacional dos Museus foi também assinalado pelos idosos da ERPI/CD de Carrazedo de Montenegro. Aqui, o destino foi o Centro Interpretativo do Território e o Museu do Brinquedo Português, situados, em Ponte de Lima.

No centro interpretativo, os valpacenses puderam reviver alguns momentos da sua vida, através dos objetos presentes no espaço e da projeção de filmes ilustrativos das práticas agrícolas. No museu do brinquedo, recordaram a infância e a dos seus filhos, através dos brinquedos expostos que retratam a evolução de tantos brinquedos.

 ERPI´s Francisco Teixeira e Nª Sra. Maria do Carmo vão até Vila Flor

Já as ERPI´s Francisco Teixeira e Nª Sra. Maria do Carmo visitaram o Museu Municipal Dra. Berta Cabral em Vila Flor. Fundado em 1957, por Raúl de Sá Correia, antigo secretário da Câmara Municipal e diretor do Museu até à sua morte, em 1993. Antigo Solar dos Aguilares (primeiros donatários de Vila Flor), o edifício do séc.XII/XIII é armorejado com as Armas Reais na fachada principal e a Flor de Liz, (símbolo da Vila). Possui cerca de 3000 peças, ofertas de filhos e amigos da terra, originárias na sua maioria deste concelho. É composto por coleções de pintura, arqueologia, etnografia, artesanato africano, arte sacra, numismática e medalhística.

Após a visita o almoço foi no parque de merendas junto à barragem do Peneireiro, onde os utentes puderam desfrutar da natureza envolvente bem como de um “mini-zoo” nas imediações com variadas espécies de animais e espaços para atividades desportivas e de lazer.

Sem esquecer a vertente religiosa, os seniores tiveram ainda a oportunidade de ir ao Santuário da Nossa Senhora da Assunção, o mais importante santuário mariano transmontano, constituído por uma igreja datada do século XVII.

Para terminar em beleza o lanche foi desfrutado na zona verde em Mirandela.

 

 

loading...
Share.

Comentarios fechados.