A GNR deteve 154 pessoas em flagrante delito e fiscalizou mais de duas mil viaturas numa operação que decorreu a nível nacional.

Os resultados são relativos à atividade operacional realizada no fim de semana passado, dias 25 e 26 de agosto, pela Guarda Nacional Republicana (GNR).
De acordo com a corporação, 99 condutores foram detidos com excesso de álcool, 17 sem carta, sete por tráfico de estupefacientes, três por posse ilegal de arma, um por furto, outro por incêndio florestal e outro ainda por violência doméstica.
Ao nível das apreensões, os militares apreenderam 420 doses de haxixe, 15 doses de heroína, 12 doses de cocaína, quatro armas de fogo, duas armas brancas e/ou proibidas, 21 munições de diversos calibres e 139 euros em numerário.
Ainda na mesma operação, foram detetadas 2105 infrações, sendo 1304 por excesso de velocidade, 234 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 104 por falta de inspeção periódica, 57 por infrações relacionadas com tacógrafos, 55 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança ou da cadeirinha de criança, 55 relacionadas com anomalias nos sistemas de iluminação e sinalização, 39 por falta de seguro de responsabilidade civil e 34 pela utilização indevida do telemóvel durante a condução.
A ação visou a prevenção e o combate à criminalidade violenta e fiscalização rodoviária.

loading...
Share.

Deixe Comentário