As duas jovens desaparecidas desde segunda-feira de uma instituição de acolhimento em Chaves já foram localizadas, adiantou hoje a Polícia Judiciária de Vila Real que investiga agora um “eventual envolvimento em outros factos relacionados com criminalidade sexual”.

A força policial explicou, através de uma nota por escrito, que a localização de “duas menores de 14 anos que se encontravam em fuga de uma instituição” foi feita após “a realização de inúmeras diligências de investigação”.

A nota revela ainda que as jovens foram reencaminhadas para a instituição onde se encontram, no concelho de Chaves, distrito de Vila Real.

“As investigações prosseguem relativamente ao apuro das concretas circunstâncias relativas à fuga perpetrada pelas menores da instituição e do seu eventual envolvimento em outros factos relacionados com criminalidade sexual”, disse ainda a PJ de Vila Real.

A investigação ao desaparecimento das jovens foi realizada pela Departamento de Investigação Criminal da PJ de Vila Real, acrescenta ainda.

Na quinta-feira fonte da PSP de Chaves adiantou à Lusa que duas jovens residentes numa instituição de acolhimento em Chaves estavam desaparecidas.

“Foi-nos dado o alerta para o desaparecimento no dia 18 de maio e desde então temos feito diligências e continuamos à procura na nossa área territorial”, revelou a fonte.

As duas adolescentes estão institucionalizadas no Patronato de São José, em Chaves, no distrito de Vila Real, acrescentou.

loading...
Share.

Deixe Comentário