O adversário que se segue é o Instituto D. João V, formação que ocupa o sexto lugar com os mesmos pontos que o Boticas. Emídio Rodrigues tem consciência das dificuldades da partida, mas garante que o grupo está confiante. “O Instituto é uma equipa experiente, que costuma ficar sempre nos primeiros lugares a seguir aos clubes ditos grandes. Eles têm que contar com um Boticas forte e motivado”, garante Emídio Rodrigues, que vai tentar “aproveitar os erros dos adversários”.

O treinador do Boticas explica que “depois de uma primeira época de habituação à primeira divisão”, os jogadores “estão agora com mais experiência” e a realizar “boas prestações fora de casa”.

Diogo Caldas – redaccao@diarioatual.com

loading...
Share.

Deixe Comentário