O Ecomuseu de Ribeira de Pena foi considerado como “um dos exemplos de boas práticas na relação com a comunidade”, em especial pelo trabalho com o Museu do Linho que integra na sua dinâmica as tecedeiras do Grupo de Tecelagem de Limões e que preservam naquele espaço as tradições associadas ao trabalho artesanal do linho.

A convite do Museu Nacional de Arqueologia, o município de Ribeira de Pena, através do Ecomuseu, participou no Seminário “Património Cultural, Museus e Responsabilidade Cidadã”, realizado no salão nobre daquela instituição.

Esta iniciativa, segundo a autarquia, surge integrada nas Jornadas Europeias do Património e desenvolve-se no âmbito do projeto EU-LAC Museums que estuda a relação entre as comunidades e os museus.

“Os museus são lugares de memórias vivas e por isso as comunidades de museus comunitários participantes neste projeto foram convidadas para uma tarde de partilha de histórias e tradições”, refere na sua página oficial a autarquia ribeirapenense.

loading...
Share.

Deixe Comentário