Valpaços foi a cidade anfitriã das comemorações do Dia Distrital do Bombeiro, que se realizaram no domingo, dia 21. As corporações dos soldados da paz de todo o distrito concentraram-se em Valpaços para participar num dia carregado de simbolismo e homenagens.

A formatura de bombeiros fez a receção às entidades oficiais. Após o cerimonial teve lugar a sessão solene no Auditório Arte e Cultura Luís Teixeira, onde estiveram os responsáveis das corporações de bombeiros de todo o distrito de Vila Real, bem como Jaime Marta Soares, presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, sendo o anfitrião o presidente da Camara de Valpaços, Amílcar Almeida.

Durante a cerimónia, segundo conta a autarquia, foram agraciados alguns valpacenses pelo trabalho e dedicação à Associação Humanitária dos Bombeiros de Valpaços. Amílcar Almeida elogiou o trabalho da direção e comando dos soldados da paz valpacenses, fazendo alusão ao trabalho da Proteção Civil no que concerne ao investimento levado a cabo pela autarquia, nomeadamente a Equipa de Intervenção Permanente constituída em junho passado, custeada em 50% pelo município durante três anos, bem como a Equipa de Sapadores Florestais sob a alçada da autarquia que está a tempo inteiro no terreno.

O presidente da Câmara de Valpaços enalteceu, ainda, o trabalho dos bombeiros ao serviço da comunidade, referenciando-os como a força determinante da proteção civil e de socorro das comunidades.

Houve ainda tempo para uma apologia do percurso da corporação valpacense, enquanto era visualizado um documentário com imagens respeitantes à sua atividade e pessoas que construíram a sua história.

Os vários discursos prestaram homenagem aos sócios anónimos, órgãos sociais, comandos e corpos de bombeiros pela entrega voluntária ao serviço da causa dos Bombeiros de Portugal.

Durante a tarde, as comemorações concentraram-se no Largo da Feira, contando com a participação das Associações Humanitárias do Distrito de Vila Real e com a presença de representantes de diversas instituições que se associaram ao evento, bem como o secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves.

Amílcar Almeida foi distinguido pela Liga dos Bombeiros Portugueses com o Crachá de Ouro, pela “prática de atos/serviços relevantes de inquestionável contributo para a dignificação da causa dos Bombeiros”.

O presidente da Câmara de Valpaços agradeceu a confiança na realização do encontro no seu concelho e homenageou “aqueles que deixam a família para socorrer os outros e nada recebem em troca”. Confirmou que a câmara custeou parte das obras levadas a cabo nos quartéis de bombeiros do concelho, em Valpaços e Carrazedo de Montenegro.

“Este foi um dia dedicado àqueles que pela sua coragem, prontidão, e atuação exemplar, diariamente procuram assegurar o bem-estar e segurança das populações”, sublinhou o autarca.

O programa do encontro foi completado com um desfile apeado e motorizado, composto por centenas de bombeiros, levando às imediações do Largo da Feira um aparato invulgar, tanto pelo número de viaturas e bombeiros envolvidos como pela visibilidade dos estandartes em grupo e pelo acompanhamento da fanfarra, apesar da chuva que caiu quase no final do evento.

 

 

loading...
Share.

Comentarios fechados.