Um grupo de cinco bombeiros angolanos, proveniente do Zango, localidade no município angolano de Viana, aterrou na terça-feira, dia 19, em Portugal, para rumar a Chaves e receber formação no quartel dos Bombeiros Flavienses. A partilha de conhecimentos e experiências decorre até ao dia 4 de abril, revelam os bombeiros.

A iniciativa de cooperação entre as entidades portuguesa e angolana partiu de um convite endereçado pelo comandante dos Bombeiros Voluntários Flavienses, José Lima.

“Esta experiência será certamente tão enriquecedora para os nossos convidados como para nós, que teremos muito a aprender com esta partilha de conhecimentos. Eu fico particularmente satisfeito por os nossos colegas do Zango terem aceite o convite, uma vez que sou natural de Angola e um angolano do coração”, explica.

A Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários Flavienses é uma das mais antigas entidades do género em Portugal, que este ano assinala 130 anos de existência. O corpo de bombeiros desta associação, composto por cerca de 90 homens e mulheres, desenvolve várias atividades na área da saúde e do combate a incêndios urbanos, florestais e industriais.

 

loading...
Share.

Deixe Comentário