Flaviense fez recorde pessoal no salto em comprimento com 8,05 metros em meeting espanhol. Tornou-se o sexto melhor de sempre em Portugal e tem a oitava melhor marca do ano a nível europeu.

O meeting disputado em Sierra Nevada, Espanha, dia 17 de agosto, foi histórico para Ivo Tavares. O atleta de Chaves, que representa o SL Benfica, estabeleceu uma nova marca pessoal, ultrapassando a barreira dos oito metros.
“Foi uma competição com muito bons atletas, a maior parte com marca acima dos oito metros. Fomos oito em competição, todos com direito a seis saltos, a prova estava a correr bem, mas mais uma vez o salto não estava a sair, pelo menos sendo valido, tendo dois saltos nulos acima dos oito metros”, contou.
Mas na última tentativa surgiu o esperado salto, de 8,05 metros: “foi logo um sentimento de alívio e felicidade sobre mim, pois provavelmente a barreira dos oito metros seja a mais difícil de ultrapassar para os atletas de salto em comprimento e eu finalmente consegui. E só custa a primeira vez… acredito que daqui para a frente seja muito mais fácil saltar acima dos oito metros”.
A marca deixa o transmontano como o sexto melhor de sempre em Portugal, bem como com a melhor marca do ano, enquanto a nível europeu é a oitava melhor marca do ano.

Flaviense ajudou Portugal a chegar à Superliga

O atleta de Chaves participou por Portugal no Campeonato da Europa de Nações –1ª Liga, entre 9 e 11 de agosto, onde em 11 equipas uma iria subir e quatro iriam descer de divisão, contribuindo para a subida à Superliga.
“Estava mau tempo, frio e por vezes chuva, mas estava focado, confiante e determinado a dar o meu melhor para contribuir na subida à superliga. Fiquei em 4º lugar com 7,70m (2ºmelhor marca da época até à data), dando oito pontos à seleção. Fiquei um pouco insatisfeito na verdade, pois fiquei apenas a 9 cm do primeiro lugar”, explicou.
Ainda assim, a subida à Superliga foi “um feito inédito” que deixou “toda a comitiva radiante”.
“Daqui a dois anos estaremos a competir com as sete melhores seleções da Europa”, notou.
Já a 14 de agosto, Ivo Tavares participou ainda no Torneio de saltos Portugal-Espanha, onde alcançou 7,58 e ficou com o segundo lugar. “Senti-me um pouco cansado do fim-de-semana passado, quer da prova quer das viagens realizadas”, explicou.

Diogo Caldas

loading...
Share.

Deixe Comentário