O Castanheiro de Vales, em Vila Pouca de Aguiar, recebeu hoje, sexta-feira, a distinção nacional de Árvore do Ano 2020 atribuído pela União da Floresta Mediterrânica.

A cerimónia de entrega do prémio aconteceu esta manhã junto ao castanheiro com mais de mil anos, em Vales, na freguesia de Tresminas. O momento contou ainda com um momento cultural, com um concurso de desenhos e uma palestra, a cargo do professor Jorge Lage.
Segundo a organização, esta distinção pretende valorizar “o património natural” e contribuir “para o desenvolvimento da comunidade local”.
O Castanheiro de Vales está classificado como Árvore de Interesse Público pelo ICNF – Instituto de Conservação da Natureza e da Floresta sendo considerada uma “das árvores mais grossas de Portugal”, dentro da sua espécie, Castanea Sativa Miller.
Este castanheiro de 21 metros de altura e um tronco com perímetro de 14 metros é a Árvore Portuguesa de 2020 e está também a concorrer a árvore europeia do ano.
As votações decorrem até ao próximo dia 29 de fevereiro e para votar terá de selecionar duas árvores, confirmando o voto através de uma hiperligação que rececionará na respetiva conta de correio eletrónico.
Link para votação:
https://www.treeoftheyear.org/vote?fbclid=IwAR1K9wIjO8tBwJqww6kZGS7usQKar0AaS6Hc30v97oFWk0QYHviZSKFFn2U

 

 

loading...
Share.

Deixe Comentário