Até 11 de outubro irão decorrer, em todos os municípios do Alto Tâmega, sessões de capacitação/sensibilização para a otimização da gestão florestal e sumidouros de carbono a técnicos/operadores florestais. A primeira sessão está agendada já para o dia 17 de setembro em Boticas.

No âmbito das ações de criação de sumidouro de carbono a Comunidade Intermunicipal do Alto Tâmega  (CIM-AT), em articulação com a Junta da Galiza – Conselheria de Medio Rural e com o Instituto Politécnico de Bragança, vai realizar um conjunto de sessões de capacitação/sensibilização para a otimização da gestão florestal e sumidouros de carbono a técnicos/operadores florestais, onde será apresentada também a ferramenta de cálculo de sumidouro de carbono, desenvolvida pela Junta da Galiza.
Estas sessões decorrerão nos seis municípios do Alto Tâmega, designadamente, Boticas (17 de setembro), Vila Pouca de Aguiar (19 de setembro), Ribeira de Pena (26 de setembro), Valpaços (27 de setembro), Chaves (1,2,3 e 4 de outubro) e Montalegre (11 de outubro).
Decorrente  de uma Candidatura efetuada ao Programa de Cooperação INTERREG V A Espanha/Portugal (POCTEP) 2014-2020, estas sessões inserem-se  no âmbito  do projeto designado por TROCO2 – Mercado Transfronteiriço de Intercâmbio de Carbono, desenvolvido pela  CIM-AT  em parceria com a Câmara de Comercio de Pontevedra, Vigo e Vilagarcia de Arousa (promotor); a Associação de Desenvolvimento da Região do Alto Tâmega (ADRAT); a Junta da Galiza – Conselheria de Medio Rural, e a Associação Provincial de Empresas de Transportes Públicos de Mercadorias de Pontevedra (ASETRANSPO).

Sessão final a 25 de outubro

Será ainda realizada uma sessão final de encerramento do Projeto TROCO 2, em articulação com a ADRAT, no dia 25 de outubro, integrando um conjunto de temas relacionados com a gestão e a certificação florestal, as alterações climáticas e os sumidouros de carbono, onde estarão presentes, para além da Agência Portuguesa do Ambiente, Associações e Entidades Florestais que desenvolvem a sua atividade no âmbito florestal e Ambiental.

 

loading...
Share.

Deixe Comentário