Na transmissão de mandatos, António Rendeiro entregou a presidência do Rotary Club de Chaves a Afonso Castro, que inicia o novo ano rotário sob o lema “O Rotary conecta o Mundo”.

Dar continuidade ao Plano Estratégico traçado para o clube foi a pedra de toque do presidente empossado, com especial relevância para o fortalecimento da Universidade Sénior e a consolidação das parcerias com a autarquia flaviense e juntas de freguesia de Santa Maria Maior, Santa Cruz Trindade e Sanjurge e Madalena e Samaiões e o engrandecimento da Festa da Literatura de Chaves, tornando-a na maior atividade literária da cidade.

Na resenha do ano rotário findo, António Rendeiro evidenciou a determinação e o empenho demonstrado pelo seu Conselho Diretor na concretização do Plano de Atividades e consolidação do Plano Estratégico de médio prazo. O responsável agradeceu ainda aos companheiros rotários por toda a colaboração manifestada ao longo do ano.

O novo presidente, Afonso Castro, dirigiu as primeiras palavras aos responsáveis que terminaram funções, pelo excelente ano rotário que realizaram.

“As sementes que lançaram serão essenciais e facilitarão a coordenação do club durante os próximos anos –  tenham os futuros presidentes (onde naturalmente me incluo) a capacidade para dar continuidade e assegurar o bom desenvolvimento do seu legado”, disse Afonso Castro.

O novo presidente destacou alguns aspetos fulcrais para a vitalidade do clube, de acordo com a matriz humanitária de Rotary International, e a vertente de intervenção local que carateriza a instituição.

“Desde logo, o aumento do  quadro social do club,  procurando que este reflita a diversidade de profissionais e da cultura local; O apoio e dinamização do Interact e a reativação do Rotaract,  sendo estes programas de suma importância,  já que capacitam os jovens ao promover serviços de voluntariado, de liderança e de desenvolvimento profissional;  A atribuição dos Prémios de Mérito Escolar e de Mérito Profissional; Tornar a Festa da Literatura  de Chaves uma referência na nossa cidade  e continuar a apoiar o grande projeto do nosso club,  a sua Universidade Sénior. É hoje inquestionável o resultado da ação das universidades seniores no bem-estar que proporcionam, no reforço das perspetivas de inserção e participação social e na melhoria das condições e qualidade de vida das pessoas que as frequentam. Mas, para que o projeto da Universidade mantenha o nível de excelência, continuaremos a reforçar as parcerias já existentes, bem como outras que estamos a estabelecer”.

Depois de apresentar o novo lema rotário, o dirigente virou-se para os “companheiros”, e demonstrando a sua confiança, desafiou-os a continuarem a desenvolver o excelente trabalho.

De referir que a interactista Mariana Teixeira sucedeu a Ema Leite. Na cerimónia estiveram presentes mais de uma centena de pessoas.

loading...
Share.

Deixe Comentário