A seleção da Associação de Futebol de Vila Real somou duas vitórias, um empate e duas derrotas na participação na edição de 2019 do Torneio Lopes da Silva, que resultou no 12º lugar, saindo com “orgulho” pelo “crescimento sustentado”.

Diogo Veiga e Hugo Almeida (Abambres), Rúben Afonso (Alijoense), Rodrigo Silva e Ricardo Teixeira (Atei), Rui Rua, Diogo Rodrigues, Tomás Castelo, Gabriel Rodrigues, Rui Xavier, Tiago Carneiro, João Pinto, Daniel Jordão e Sandro Viegas (Chaves), Tomás Magalhães (Benf. Chaves), Guilherme Trinta e José Soalheiro (Régua) e Francisco Teixeira (V. Real) T: Carlos Soares

Os transmontanos entraram a vencer, por 2-0, com golos de Sandro Viegas e Diogo Veiga, a AF Guarda. Seguiu-se a derrota por 3-0 com Braga e o empate 1-1 com AF Coimbra, com golo de Rodrigo Silva. Após a derrota por 1-0 com Setúbal, a participação terminou com um triunfo por 1-0 sobre Castelo Branco, com golo de Tomás Castelo, que permitiu fechar em 12º lugar, num total de 22 seleções. A AF Lisboa foi a grande vencedora.
“As seleções distritais da AFVR têm tido um crescimento sustentado, fruto de um processo que visa o desenvolvimento do jogador do nosso distrito. Esta seleção é um exemplo para nós e para todos”, vincou o diretor técnico, Carlos Soares.

loading...
Share.

Deixe Comentário