A Assembleia Municipal de Vila Pouca de Aguiar reuniu a 23 de fevereiro com cinco moções e cinco pontos na ordem de trabalhos.

Inicialmente foi aprovada a ata da anterior reunião (15 de dezembro) e foi abordado o regimento da Assembleia, no que respeita à intervenção do público.

Presidida por Álvaro de Sousa, a Assembleia Municipal aprovou cinco moções por unanimidade, designadamente melhoria de redes de comunicação digital, apoio ao movimento pelo Interior em nome da coesão, carência de assistentes no Agrupamento de Escolas, necessidade de incentivos à concretização de centrais de biomassa e louvor pelo centenário da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Pouca de Aguiar.

Na apreciação da atividade municipal, o presidente da Câmara Municipal, Alberto Machado, foi solicitado sobre diversas reuniões, tais como Super Bock Group, empresários do granito, obras em Pedras Salgadas ou ponto de situação com os técnicos municipais de desporto.

O plano de atividades e orçamento para 2018 da EHATB – Empreendimentos Hidroelétricos do Alto Tâmega e Barroso, EIM, SA, foi apreciado.

De seguida, foi apreciado o relatório de avaliação da atividade da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens em Risco.

O ponto quatro, referente a alteração do regulamento do Campo de Férias devido ao número de vagas, foi aprovado por unanimidade.

Por último, no ponto cinco, o plenário deliberou que os representantes da Assembleia Municipal no Conselho Municipal da Juventude são Philippe Ferreira (suplente António Amaro) e Anabela Rodrigues (suplente José Júnior).

Redação/CM Vila Pouca de Aguiar

loading...
Share.

Deixe Comentário