Nos dias 2 e 3 de fevereiro, a vila de Salvador, Ribeira de Pena, comemorou o S. Brás.

A par das cerimónias religiosas que incluíram a missa solene em honra de S. Brás com a bênção do pão, foram promovidas várias ações na tenda instalada na Praça do Município.

Pelo palco passaram os Grupos de Bombos de Bragadas, Friúme e Santa Marinha, o Rancho Folclórico Juvenil de Balteiro, o Grupo de Cantares “Os Artesãos da Trofa”, os cantores ao desafio Lopes de Travassô e Carvalho de Cucana e o grupo “Os ConcertinaShow”.

Ao longo dos dois dias, foi possível saborear a gastronomia típica: das couves com feijões ao caldo de farinha, passando pelos milhos, confecionados nos tradicionais potes de ferro. Também os produtos locais como o vinho e os enchidos estiveram representados neste evento, podendo ser adquiridos nos diversos stands.

Tal como aconteceu no ano passado, realizou-se o desfile das carranhosas, uma tradição ligada ao S. Brás de Ribeira de Pena que está a ser recuperada pelos organizadores desta festa: a Junta de Freguesia de Salvador e Santo Aleixo de Além Tâmega, a Fábrica da Igreja Paroquial do Salvador e o Município de Ribeira de Pena.
As comemorações terminaram com um grandioso espetáculo de fogo-de-artifício.

Share.

Deixe Comentário