Uma das provas mais emblemáticas do automobilismo nacional, o Rali do Alto Tâmega, está de regresso nos dias 21 e 22 de abril, e até ao arranque da prova as iniciativas sucedem-se.

As inscrições terminam hoje, sexta-feira, dia 13 de abril, quando se ficará a conhecer a lista final de pilotos que vão estar à partida para a prova, que é pontuável para o Campeonato de Ralis Norte FPAK, e que contará, também, com a antestreia da promissora Copa 106.
O evento, organizado pelo CAMI Motorsport com o apoio dos Municípios de Chaves e Boticas, foi apresentado ontem, dia 12 de abril pelas 18h30 no Museu Arqueológico da Região Flaviense (Praça do Município de Chaves).
O dia da apresentação contou ainda com uma tertúlia com ex-pilotos do Rali Alto Tâmega, onde participaram pilotos como Joaquim Moutinho, Joaquim Santos e Fernando Peres.
Além da apresentação, foi também inaugurada uma exposição alusiva às 10 edições do Rali Alto Tâmega, que os amantes da modalidade podem visitar no museu.

Diogo Caldas

 

Pilotos flavienses vão alinhar

O Rali do Alto Tâmega irá juntar pilotos de todo o país, e até da vizinha Espanha, mas a cidade flaviense também irá estar representada na prova.
A dupla flaviense Luís Delgado e André Carvalho, campeões em título do Campeonato Norte de Ralis, já confirmou a presença no evento que se irá desenrolar em Chaves e Boticas.
“Este tipo de provas é fundamental para o desenvolvimento da região, que tem muitos amantes de rali”, destacaram.
Também o piloto flaviense João Castela irá marcar presença na prova, realçando que “é com agrado que vê a realização de uma competição tão mítica”.

 

Joaquim Moutinho é o piloto do ‘carro 0’

Piloto sensação da década de 80 e início dos anos 90 nos Ralis em Portugal, Joaquim Moutinho, será o piloto do ‘carro 0’ no Rali Alto Tâmega.

O piloto do Porto “aceitou com agrado” o convite endereçado pelo Cami Motorsport, recordando-se dos anos em que participou no Rali Alto Tâmega ao volante do mítico Renault 5 Turbo II.

loading...
Share.

Deixe Comentário