A aldeia de Vilarinho de Negrões, freguesia do concelho de Montalegre, figura no restrito lote das 49 pré-finalistas da iniciativa que apura as “7 Maravilhas de Portugal”, na categoria “Aldeias Ribeirinhas”. Um feito notável que reforça o impacto natural deste paraíso do Barroso.

Das cinco aldeias do concelho de Montalegre (Vilarinho de Negrões, Tourém, Cervos, Pitões das Júnias e Fafião) candidatas às “7 Maravilhas de Portugal”, Vilarinho de Negrões conquistou o lugar a estar nas 49 pré-finalistas, na categoria “Aldeias Ribeirinhas”. O anúncio foi revelado na aldeia da Pena, em São Pedro do Sul, num evento presidido pelo ministro da Agricultura, Capoulas Santos.

Luís Segadães, presidente das 7 Maravilhas de Portugal® – Aldeias, referiu que «nestas 49 pré-finalistas estão contempladas as mais emblemáticas aldeias portuguesas. Digno de assinalar é o equilíbrio da distribuição geográfica das aldeias pré-finalistas, que ocupam todo o território nacional. Estamos muito satisfeitos com o trabalho feito pelo painel de especialistas que retratou na perfeição a enorme diversidade nacional. Quando chegarmos à votação pública antevemos uma competição aguerrida».

Recorde-se que as 49 aldeias pré-finalistas resultam da votação do painel de especialistas, 49 individualidades, 7 de cada região de turismo do país, que analisou e votou na lista longa de 446 candidaturas. A votação do painel de especialistas foi auditada pela PwC, que assegura a idoneidade de todo o processo de votação. A promoção em torno destas 49 aldeias começa agora e a votação arranca em julho, durante as sete galas a emitir aos domingos pela RTP. São sete galas, uma por categoria, onde os portugueses vão poder eleger duas finalistas que passam para a votação final. As sete vencedoras são conhecidas a 3 de setembro na grande Gala Final.

Redação/CM Montalegre

 

 

Share.

Deixe Comentário