Ao todo são quatro milhões de euros. A notícia foi dada em Montalegre pela voz do Ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes, que escolheu o concelho barrosão para apresentar os projetos de prevenção e restauro dos Parques Naturais do Douro Internacional, de Montesinho, do Tejo Internacional, do Monumento Natural das Portas de Ródão e da Reserva Natural da Serra da Malcata.Estes projetos, contra incêndios e de restauro, visam replicar o plano piloto implementado no Parque Nacional da Peneda-Gerês, na sequência dos fogos do verão de 2016, com o restauro das áreas percorridas por incêndios, a criação de condições para o desenvolvimento de ações de prevenção estrutural e o reforço de recursos humanos para uma intervenção de maior proximidade.

Redação/CM Montalegre

Share.

Deixe Comentário