Todos somos um pouco daqueles que estiveram antes de nós, daqueles com quem aprendemos a ser, a estar, ou mesmo só a permanecer, ouvindo e sentido o que está à nossa volta.

Durante dois meses e meio em que partilhámos os nossos dias com o grupo de crianças e jovens no ATL inclusivo, percebemos isto em todas as pequenas coisas que vivemos e partilhámos com eles, percebemos que apenas fazemos sentido quando somos efetivamente parte da nossa história e quando conseguimos viver com ela, lado a lado, seja qual for a dificuldade que nos apareça pela frente.
Estivemos com um grupo de jovens com deficiências ou incapacidades várias que durante estes dois meses nos ensinou que ser feliz é uma receita muito simples: é sentir-se amado e confiante num espaço que lhe permita ser ele próprio!
Esta descoberta fez com que os nossos dias fossem mais do que simples somas de acontecimentos, foram vividos intensamente, de acordo com os ritmos e as necessidades de cada um, percebendo que em cada um de nós está uma pessoa diferente e que todos juntos com determinação, vontade e incentivo conseguimos tudo aquilo a que nos propusermos, pois não há barreiras que não sejam ultrapassadas quando a vontade é maior do que a dificuldade.
Desenvolvemos um grupo de atividades diversas e variadas: passeámos, brincámos, nadámos, pintámos, rimos e criámos, escutámos e falámos, comprámos e vendemos, caminhámos, a pé e a cavalo, partilhámos os dias os lanches, cozinhámos e fizemos de conta: divertimo-nos imenso! Deixámos que aquele espaço fosse o nosso espaço seguro e a partir dali fizemos dele a nossa casa!
Por aqui passaram cerca de 20 crianças durante o período de férias, cada uma delas deixou parte de si, com ela, levou parte de nós, e assim… Vamos construindo a nossa história!
Muito obrigado a todos por nos mostrarem todos os dias a simplicidade das coisas importantes, porque, afinal, num abraço apertado pode caber toda a felicidade do mundo!
Até breve!

Geração Solidária

Share.

Deixe Comentário