No dia 30 de janeiro, no âmbito do dia internacional da não violência e da paz nas escolas, como alunos/as mediadores/as do Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins, dinamizámos uma atividade dirigida aos nossos colegas de 7º e 8º anos, onde nos apresentámos, discutimos e explicámos as razões de se comemorar este dia. Na Escola Dr. Júlio Martins, o dia começou com a colaboração dos nossos colegas do Clube de Teatro da Escola, que andaram pelo espaço escolar a promover afetos e a partilha de abraços, com várias atividades de mímica. De seguida, e já no Auditório da Escola, apresentámos os resultados dos inquéritos e os nossos olhares, enquanto jovens, sobre o tema e mostrámos algumas atividades por nós realizadas, desde o ano letivo anterior até à data. Mostrámo-nos disponíveis para ajudar a mediar situações de conflito, quer pessoal, quer interpessoal.
Decorreu também um momento musical, com a presença do mediador, autor da poesia musicada.
Houve espaço para uma pequena avaliação da atividade pelo público, na qual registaram o seu interesse, bem como o desejo de que se repitam ações como esta.
Contámos também com a ajuda dos nossos colegas do curso de Multimédia que fizeram a reportagem da manhã. É de realçar a presença do presidente da Associação de Pais do Agrupamento.
No final da sessão, o nosso convidado, professor doutor Américo Peres, comentou a apresentação e contou histórias sobre a sua vida enquanto educador para a paz.
Para nós foi, também um desafio enriquecedor, dinamizar e apresentar sozinhos/as para um auditório repleto de professores/as e alunos/as. Enquanto alunos/as mediadores/as, achamos que o nosso objetivo foi atingido e ficou a vontade de realizar mais projetos como este.
No encerramento, o subdiretor, professor Augusto Ladeiras, deixou uma pergunta para refletirmos: o que é que eu posso fazer para melhorar a escola?
Juntos/as fazemos uma escola melhor!

A equipa de alunos/as mediadores/as do Agrupamento

Share.

Deixe Comentário