Várias centenas de pessoas passaram no sábado, dia 14, pelo Jardim Público de Chaves onde decorreu a VI Feira da Cultura do Mundo Rural, promovida pelo Teatro Experimental Flaviense.

Todos os anos, o jardim mais emblemático de Chaves abre portas com o objetivo de aproximar as tradições, a sabedoria popular e a tranquilidade das aldeias ao mundo citadino. A iniciativa conseguiu, mais uma vez, trazer para junto dos flavienses os sabores mais genuínos assim como os saberes e as atividades típicas do mundo rural.
A programação da Feira da Cultura do Mundo Rural foi preenchida, durante a manhã, com um passeio de pasteleiras. A iniciativa voltou a por em destaque os principais locais históricos da cidade assim como a paisagem envolvente nas margens do rio Tâmega. Ao almoço foi servido pelo restaurante “O Sopas” o almoço típico que fez as delícias dos visitantes.
Pela tarde a animação foi uma constante e também não faltou o habitual torneio de fito. Os espetáculos musicais ficaram a cargo da Associação Cultural e Recreativa das Concertinas do Monumento, do Grupo de Dança da Associação Eu+Tu=Muitos de Valpaços, Big Star, e dos cantores Alberto Ferry e Fátima Bandeira. Ao palco subiram ainda as peças de teatro da Revista Flaviense “Ó Chaves nobre cidade” e o “Urso” do Bailado Russo, de Anton Tchekhov, protagonizado pelo grupo de atores do Teatro Experimental Flaviense (TEF).
Na feira estiveram também presentes cerca de duas dezenas de expositores com vários produtos regionais, artigos de artesanato, acessórios e máquinas e alfaias agrícolas. E para os mais pequenos não faltaram os insufláveis para as brincadeiras habituais.

“As pessoas começam a habituar-se à feira e pela manhã já vêm até ao recinto comprar o pão caseiro, as compotas, alguns produtos hortícolas…”

Na hora do balanço final, Rufino Martins, presidente do TEF, mostrou-se bastante satisfeito por ver mais uma edição concluída com sucesso.
“E estou satisfeito porquê? Porque tivemos a qualidade e o empenho dos responsáveis pelos expositores; a animação foi constante e o público respondeu à chamada marcando presença na iniciativa, primeiramente de forma mais tímida mas depois, e em especial à noite, apareceram largas centenas de visitantes”, disse.
“As pessoas começam a habituar-se à feira e pela manhã já vêm até ao recinto comprar o pão caseiro, as compotas, alguns produtos hortícolas…e por isso creio que este ano também de manhã conseguimos atrair mais gente à feira”, realçou Alexandra Grilo, uma das responsáveis pela organização do certame. “E nota-se igualmente que os próprios expositores têm tido a capacidade de se adaptar à temática e por isso tentam trazer aqueles produtos que têm mais a ver com o mundo rural”, destacou.
Se até à quinta edição havia dúvidas, contou o responsável, a partir de agora é certo que o certame é uma mais valia para a cidade e irá continuar.
É importante que “certas tradições que só existem no mundo rural não deixem de existir e é também muito importante mostrar o que se produz na região, os produtos da terra bem como o artesanato, os nossos artesãos, os nossos músicos e os nossos atores”, sublinhou.
Ao mesmo tempo, lembra o dirigente, é mais um momento em que o Jardim Público de Chaves ganha vida, fazendo lembrar as antigas verbenas que eram organizadas nesse local na década de 80, e uma prova de que o TEF “está de braço dado com a cultura, inclusive também tem exportado essa cultura, através das atividades que realizamos em diferentes partes do país e em Espanha”.
“Penso que temos conseguido consolidar cada vez mais as nossas atividades e o TEF cada vez mais é visto como um elemento cultural com uma grande dinâmica e capacidade organizativa”, afirmou o presidente do TEF.
O evento foi ainda abrilhantado com a atuação dos grupos tradicionais a propósito do XIX Festival de Folclore do Grupo de Folclore da Vila Medieval de Santo Estêvão. Nele participaram grupos de folclore provenientes de Oeiras, Braga, Évora e Vila do Conde. A noite terminou com a “tradicional queimada do TEF”, que foi muito apreciada pelos presentes.

Cátia Portela

 

loading...
Share.

Deixe Comentário