Arranca este sábado a Fase de Manutenção do Campeonato Nacional da 2ª Divisão e Futsal, Série A, com as equipas transmontanas em situações diferentes.

A equipa do Valpaços Futsal irá ter quatro jogos em casa e três fora.
“Esta será uma fase complicada para nós, pois não temos todos os jogadores à disposição e estamos limitados por lesões e castigos. Vamos procurar alcançar os objetivos a que nos propusemos no início da época, que é a manutenção”, realçou o treinador dos valpacenses.

Para Álvaro Santos, o fator casa pode ter importância: “é sempre uma vantagem jogar mais um jogo em casa, mas isso só nos serve se encararmos os jogos com seriedade e competência”.
Este sábado, às 16 horas, o Valpaços Futsal recebe o Mogadouro, equipa que tem os mesmos pontos.
“É um adversário direto, que está na luta pelos mesmos objetivos. Conhecemo-los bem, sabemos aquilo que temos de fazer”, avisou.“Queremos ganhar e contamos com um grupo renovado para isso”

Para o treinador da equipa do Benfica Vila Pouca, Tiago Xavier, o último jogo frente ao líder mostrou melhorias: “Depois de alguns jogos onde a equipa alternou a qualidade com alguma displicência, o último jogo em casa com o líder, deixou a ideia de uma melhoria significativa, no que concerne à estabilidade emocional e qualidade de jogo durante os 40 minutos”.
Este sábado o Benfica Vila Pouca tem a deslocação ao Piratas Creixomil, adversário imediatamente a seguir com mais quatro pontos.

“É uma equipa que batemos facilmente em nossa casa e que perdemos de forma clara Guimarães. Queremos ganhar e contamos com um grupo renovado para isso. Um grupo onde porventura existe menos qualidade mas mais entrega e compromisso. Uma coisa a Casa do Benfica garante, vai lutar em todos os jogos para ganhar pois só assim podemos acabar a época de consciência tranquila”, garantiu Tiago Xavier.
Três últimos descem

Numa série com sete equipas os três últimos classificados de cada série, num total de sete séries, serão despromovidos. Desce ainda o quinto pior classificado no total das série.

Diogo Caldas

Share.

Deixe Comentário